Armazém Geral é um estabelecimento, normalmente de natureza privada, que resguarda a mercadoria de terceiros. Conforme a legislação, essa empresa possui permissão especial do governo para atuar como Armazém Geral de outras empresas.

O que faz um Armazém Geral?

Utilizado por terceiros, o Armazém Geral tem o intuito de guardar e zelar pela mercadoria. Não obstante, também possui outras pequenas atividades, além de conservar produtos.Ele também é responsável por receber, armazenar, reembalar, etiquetar e conferir as mercadorias.

Portanto, o Armazém Geral desempenha uma logística completa. Essas atividades são realizadas de acordo com tarifas previamente estipuladas. Assim, a remuneração é determinada de forma antecipada para cada tipo de operação.

Como é feita essa armazenagem?

Armazém geral

É importante destacar que a natureza das mercadorias preservadas pelo Armazém Geral não pode ser diversas. Por exemplo, um armazém que mantém sob seus cuidados alimentos, não pode manter no mesmo local produtos têxteis.

Esses estabelecimentos devem prestar informações acerca das atividades desempenhadas à Junta Comercial. Desse modo, ele deve informar sobre elementos que se referem à estrutura do armazém. Entre os quais estão dados sobre a situação do armazém, número, capacidade, segurança, entre outros.

Para contratar os serviços de um Armazém Geral, a empresa deve emitir uma nota fiscal específica. Tal nota, denominada “Envio de Armazenagem”, serve para controle interno do estoque.

Na operação de Armazém Geral utiliza-se o sistema de controle denominado Warehouse Management Systems ou Sistemas de Gerenciamento de Armazéns. São softwares aplicados à gestão de áreas de armazenagem.

Portanto, os softwares trabalham no controle de entrada e saída de materiais, endereçamento, realização dos métodos de controle de estoques. São responsáveis, também, pela formação de cargas para expedição (picking), entre outras funções.

Quais são as vantagens de um Armazém Geral?

A fim de proporcionar o melhor da logística, as empresas que oferecem esse serviço geralmente estão em capitais. Isso porque as grandes metrópoles geralmente oferecem as melhores condições.

O que acaba sendo uma forma de estratégia na hora de realizar a distribuição e circulação dos produtos. Já que os prazos e custos são reduzidos, o Armazém Geral é uma ótima saída para empresas com dificuldades na hora de armazenar.

Outra vantagem é a da diminuição dos riscos de segurança. Uma vez que o tempo de exposição da carga é reduzido, a chance da mercadoria sofrer perdas é menor.

No âmbito tributário, o Armazém Geral está numa posição de neutralidade, pois são simples depositárias de mercadorias.

Na área Estadual, as operações entre empresas situadas na mesma UF estão suspensas do pagamento do ICMS. Ou seja, se a empresa contratante e o Armazém Geral forem do mesmo estado, não será necessário pagar o imposto.

Na área Federal, ocorre a suspensão do IPI. Sendo aplicável tanto nas operações internas como nas interestaduais.

Quem utiliza esse serviço também tem o benefício de pagar um valor fixo pelo estoque. Outro ponto positivo é poder monitorar seu estoque online. Além disso, fazer os pedidos de expedição pela internet, aumenta a velocidade de atendimento dos clientes finais.

Nas operações de Armazém Geral é possível, ainda, ordenar a montagem de kits, reembalagem e programar coletas. Tudo isso traz alta performance para sua operação logística.

Ademais, esse tipo de armazém dispõe de equipamentos e espaços que o preparam da melhor forma possível para receber os produtos. Além de contar com um sistema de segurança específico. Assim, sua empresa não precisa gastar com a compra de outros materiais.

Armazém geral

A Elemar Armazéms Gerais dispõe de todas as ferramentas necessárias para uma perfeita gestão do seu estoque. Não deixe de seguir nossas redes sociais e conferir qual o melhor plano de armazenagem para o seu negócio.