Muito se fala sobre a necessidade de ter um armazém para guardar os produtos da sua empresa. Mas você sabe exatamente o que é um armazém e quais são todas as suas funções?

Se você tem alguma dúvida, continue a leitura e descubra tudo sobre as funções dos armazéns.

Armazém: o que é?

O armazém é uma instalação que permite regular o fluxo de entrada e saída do estoque de uma empresa. Isso é possível, pois o armazém conta com equipamentos específicos de armazenagem. Fora as ferramentas de movimentação da carga.

Além disso, o armazém proporciona um bom treinamento para a equipe. E também uma gestão própria para estoque. Tudo isso ajuda a regular as diferenças entre os fluxos de entrada e saída de mercadorias.

Essas movimentações geralmente não possuem coordenação. Por isso é tão necessário recorrer ao armazém.

Antes das funções do armazém, é preciso primeiro entender que existem diversos tipos de armazéns. Isso porque, cada um possui características específicas para atender às suas necessidades.

armazém

Tipos de armazéns

É comum que uma empresa precise investir em um ou vários tipos de armazém. Isso porque a atividade econômica do negócio inclui a manipulação de matérias-primas. Além de produtos que precisam de finalização, produtos prontos, entre outros.

Todo tipo de armazém deve ter uma localização que considera as necessidades específicas de seu funcionamento. É ideal que siga, ainda, as restrições ou as possibilidades de cada localização e seu contexto.

A melhor maneira de classificar os tipos de armazéns é os separar de acordo com suas características em comum. Podem ser:

 1) Natureza do produto do Armazém

É possível encontrar armazéns que possuem especialização. Ou seja, são específicos para o produto que você pretende estocar. Pode ser um armazém de bobinas, produtos inflamáveis. Ou, então, perfis, materiais de pequenas dimensões, cartuchos e produtos perecíveis.

Além disso, existem também os armazéns de uso geral. Entre outras possibilidades.

 2) Construção do edifício do Armazém

As características do espaço podem servir igualmente como critério de classificação. Portanto, existem armazéns ao ar livre, em galpões, porões, silos ou depósitos. Sem contar também, as câmaras frigoríficas. E armazéns em que as estantes formam a estrutura do próprio edifício. Entre muito mais.

As instalações ainda podem ser em grupos, conforme o tipo e o fluxo dos produtos. Ou seja, matérias-primas, componentes ou produtos que falta finaliza. Ou produtos prontos, armazéns intermediários, de depósito, para distribuição, etc.

Quanto a localização, existem armazéns centrais, regionais e de trânsito.

Quais são as funções de um Armazém?

Esses estabelecimentos são responsáveis por:

funções de um armazém

 1) Receber os produtos

Essa é a função mais óbvia de um armazém. Entretanto, é importante se lembrar que são essas tarefas que determinam o sucesso da logística do seu negócio.

Sem dúvidas, é fundamental que o estabelecimento possua uma área apenas para essa função. Caso contrário, as cargas de entrada e saída podem se misturar. Isso causa grandes problemas.

 2) Verificar a carga

Quando a carga chega, é igualmente função do armazém checar o registro dos produtos. É preciso verificar a carga a fim de descobrir possíveis avarias. Essas falhas podem ocorrer durante o transporte.

Extravios, perdas, danos e estragos são alguns exemplos do que pode acontecer com a carga. Portanto, quando chega, o material passa por uma checagem para confirmar se sua integridade está intacta.

 3) Fazer o transporte e manuseio interno

O armazém também tem a função de fazer o manuseio dos materiais. No espaço do armazém colaboradores descarregam encomendas, empilham paletes. Além de guardar itens e os transportar para as diferentes seções do armazém.

Para fazer essa movimentação, é preciso ter os equipamentos adequados e boas estruturas. Portanto, um bom armazém deve contar com prateleiras industriais. Fora os carrinhos de movimentação e empilhadeiras para manter um bom funcionamento.

 4) Armazenar e guardar os materiais

É o armazém que guarda os produtos prontos e as matérias-primas para as empresas. Desse modo, o estabelecimento deve possuir uma estrutura apropriada para garantir a proteção do estoque. Além disso, os armazéns normalmente possuem um sistema de segurança. Prevenindo assim possíveis perdas.

A localização do armazém também deve ser pensada a fim de proporcionar o melhor da logística.

 5) Preparar os pedidos e consolidar as cargas

O armazém é responsável, ainda, por montar as embalagens adequadas para cada tipo de material, bem como estabelecer as cargas.

A preparação dos pedidos, ou seja, a embalagem correta dos produtos, ajuda a preservar a integridade do material. Dessa forma, o material chega intacto ao destino final e você evita custos adicionais. Lembre-se que a entrega é um ponto muito importante de contato com o cliente.

 6) Fazer a expedição da carga

Por fim, o armazém deve fazer a expedição dos produtos, ou seja, a distribuição da armazenagem. Então, a logística entrega o produto ao seu destino final. Nessa operação há a exigencia de uma nota fiscal de saíd. Isso com o objetivo de manter o controle de estoque.

Portanto, para essa etapa é preciso haver uma doca especifica para a saída. Bem como no recebimento da carga.

 7) Gerenciamento do estoque

Apesar de parecer algo simples, as funções de um armazém devem ser mantidas sob uma gestão cuidadosa. Isso porque é esse gerenciamento que garante que todos os processos de armazenagem ocorram corretamente e sem erros.

Sem uma gestão de planejamento e sistema adequado, o estoque pode gerar grandes prejuízos. Essa despesa pode ser por conta da perda de materiais ou falta de eficiência.

Conclusão

O armazém não se resume apenas em receber e guardar o seu estoque. São muitas as etapas das quais esse estabelecimento é responsável por realizar. Por isso muitas empresas recorrem a terceirização. Assim, elas podem focar nos trâmites do próprio negócio sem precisar se preocupar com mais uma gestão.

 

A Elemar Armazéns Gerais e Logística está no mercado do estoque terceirizado há 4 décadas. Isso significa que temos muita experiência em todos os processos que envolve um armazém. Que tal entrar em contato conosco e solicitar um orçamento para o seu negócio?

Nos acompanhe pelas redes sociais, Facebook e Instagram  para mais sugestões como essa. E informações sobre armazém e logística.